sábado, 14 de março de 2009

A descoberta do Brasil... e a Amizade

Descobrir o Brasil a bordo de um ônibus da Itapemirim, 48 horas sem parar atravessando Espírito Santo, Bahia, Pernambuco, até chegar ao Ceará. Aos 18 anos eu pensava que o Nordeste do país era igual ao Rio de Janeiro, de onde só havia saído para ir à Europa. Essa viagem mudou a minha vida. Tanto, que a repeti nos dois anos seguintes, e assim posso dizer que conheço bem o meu país: paisagens, vegetação, gente, clima – um filme passava na janela do ônibus e, do lado de dentro, eu e minhas duas amigas reformulávamos nossa adolescência a caminho de nos transformarmos em mulheres, fazer nossas escolhas, definir o nosso futuro. Quanto essas viagens influíram em nós? Muito.



Arraial da Ajuda, Bahia


Este post é dedicado às amigas que estão no Rio de Janeiro hoje, vindas de lugares muito distintos. Uma veio de Alicante, na costa da Espanha, a outra veio de Mariana, perto de Ouro Preto, Minas Gerais. E aqui estamos juntas, onde tudo começou, tantos anos, tantas histórias, e a doçura desse encontro – que levou muuuito tempo para acontecer do jeito que acontece agora – ocupa todo o espaço, vou parar por aqui, pois tenho que me dedicar a elas.





Salvador, Bahia




Jericoacoara, Ceará


***

Aviso: segunda-feira A Pausa do Tempo vai mudar. É a celebração de 200 postagens e um ano no ar – completo em 6 de janeiro. O blog é capricorniano e isso é muito bom!!! Vamos ter novo visual, concurso e prêmio. Espero vocês lá!


10 comentários:

Andréa disse...

que delícia de viagem, hein!!!
maravilha a bahia!!!!
bj

Arnaldo disse...

Nada é mais enriquecedor do que viajar.

Pâmela disse...

Nossa, essa viagem deve ter sido mesmo uma delícia!
Nada como viajar! Ainda mais com amigas de verdade.
Beijos!

Giuline Vitória disse...

Obrigada por me avisar do bazar. Eu também estou sendo muito feliz lá na PUC, e espero poder dizer isso mais tarde também.
beijos

Pablo Lima disse...

excepcional, minha cara! muito bom o post! e as fotos, um achado!
e vc. sempre linda!
bjocas!

Anônimo disse...

que bonita homenagem! bj M.

Halime disse...

Fiquei pensando em algumas coisas... No quanto essa fase da vida é deliciosa e o quanto tenho medo de não aproveitá-la o suficiente. E essas viagens mudam não só nossas memórias, mas até quem somos... Me inspirei! :) Bjs!

Adriana Calábria disse...

Adorei esse post!

Lembrei de como foram bons os meus dezoito anos...

E agradeço pois os amigos dessa época continuam meus amigos, como no seu caso.

Bjsss

Heloísa disse...

Valéria,
Que bom que você teve a oportunidade dessas viagens, não?
Quer dizer que teremos novas mudanças no blog?
Fiquei curiosa.
Beijos

Celia disse...

Que bom ter feito parte desta história!! Pela alegria dos nossos reencontros!!!Um brinde a nossa AMIZADE!!!!