sexta-feira, 3 de abril de 2009

As cinco inovações que mudarão o mundo

Segundo Fábio Gandour, cientista-chefe e futurólogo da IBM. (Fonte: Revista Gol)

  1. A energia solar é o futuro. Ela será usada, inclusive, para criar novos materiais.

  2. A partir do DNA será possível fazer um mapa genético para prever quais doenças você poderá desenvolver.

  3. A internet será controlada pela voz e não será preciso usar teclado ou as mãos.

  4. O comércio eletrônico oferecerá a ajuda de consultores de compras que auxiliarão na escolha do melhor para as suas necessidades.

  5. Instrumentos surgirão para filtrar e guardar as informações, liberando-as na nossa memória.

Meus comentários:

  1. Tomara que comece logo, pois é uma energia limpa e sem resíduo.

  2. Ótimo, desde que se desenvolva paralelamente tratamentos preventivos para as doenças. Porque o que eu vejo hoje em dia é que as pessoas querem viver muito mais sem se lembrar de que ficarão velhas e doentes.

  3. E o que faremos com as mãos? Será possível estar à frente do computador e trocar a fralda do bebê, cozinhar etc? A linguagem escrita se aproximará da falada? Será que vão inventar uma telinha individual que ficará voando à frente do nosso rosto, que nem em Wall-E? No filme, isso tem efeitos catastróficos...

  4. Um novo mercado de trabalho! Legal! A Ana do Hoje eu vou assim Off já está nessa. Uma profissão do futuro!

  5. Ainda bem, do contrário caminharemos rapidamente para a demência coletiva.

E vocês, o que acham das inovações que "vão mudar a forma como as pessoas viverão e trabalharão nos próximos anos", segundo Gandour?


6 comentários:

Babi Mello disse...

De todas essas invenções concordo com a energis solar, e com a ajuda na compra eletrônica. De resto tenho lá minhas preocupações.
Bjocas!

Halime disse...

Acho meio bizarro como essa coisa toda tecnológica cresce numa proporção tão desenfreada. Cada vez mais, tenho a sensação de que o mundo se digitaliza e as relações interpessoais perdem espaço. Praticidade, rapidez, eficiência. Sei lá, me assusta. Quanto a energia solar, tb concordo. De resto... bjs

Pâmela disse...

Não sei...
Só sei que a energia solar é muito cara se comparada a todas as outras e isso que inviabiliza sua implantação.
Não sei se ela é a energia do futuro...
Beijos!

Heloísa disse...

Valéria,
Acho que o uso da energia solar é importantíssimo, e também dou valor à ajuda na compra eletrônica e à limpeza das informações.
Acho que o que mais me preocupa é o comando pela voz. Parece que aos poucos vai se diminuindo o uso do corpo. Com os controles remotos, já se deixou de usar as pernas, e agora acenam com o descarte das mãos. Terrível.
A pesquisa minuciosa do DNA tem seu lado positivo, mas pode provocar muita angústia.
Enfim, são os riscos do "progresso".
Beijos

Rafael Velasquez disse...

no geral dou risada desses futurólogo. Sempre aparece matérias do tipo: carros do futuro ou a casa do futuro... acontece que esse futuro nunca chega.

espero que tudo caminhe para energia solar, ainda mais com todo essa força de preservação da "casa comum", como diz o leonardo boff. mas quanto a internet por voz, comércio eletrônico e essa da memória, acho papo. só vou acreditar quando acontecer. fico na minha quanto essa do dna, nada sei.

enquanto isso fico rindo de futurólogos. rs

beijos.

Mônica disse...

Eu também estou concordando com a energia solar.
Espero que seja fácil de adquirir tanto para os pobres quanto para os ricos.
Gostei do blog.
Com amizade Monica
OBS: Você é bailarina?
Eu adoro esta poesia.