sexta-feira, 26 de junho de 2009

Querido Michael

Você que alegrou a vida de tanta gente. Todo mundo tem pelo menos uma lembrança de uma festa em que sacolejou o esqueleto ao som de Beat it, Thriller, Billie Jean - quantas outras? E quem nunca tentou imitar suas danças, sozinho na frente do espelho ou em meio às gargalhadas dos amigos?

Agora, acabaram-se as chances de assistir a um dos seus inacreditáveis espetáculos ao vivo. Desejo que encontre a paz e o Amor que faltaram.
Com Deus,


9 comentários:

Halime disse...

Michael Jackson fez sucesso quando eu ainda era pequena e me lembro mto, mto pouco dele. Quando cresci, ele já não fazia mais o estrondoso sucesso de antes, mas ainda era ele. De qualquer forma, é um desses ícones mundiais que, por mais que a gente goste ou não gostem, chocam quando se vão. Parecem ser imortais... Bjs!!

Paloma Flores disse...

Nossa, até eu dancei muito thriller, eim!
Mas acho que ele se perdeu. Até o meio dos anos 90 ainda era um astro. Daí pra frente, acabou se perdendo em si mesmo, eu acho. Ou de si mesmo, não sei. Acredito que nem ele soube.
Enfim, que Deus o tenha.
Vai ser sempre imortal como Elvis ou John Lennon, não?

Mônica disse...

A miss Universo era da Colombia.
A Adalgiza era miss do Brasil e a outra também.
Que maravilha! Sua mãe foi miss na época certa.
Era a época que a mamae, era uma fã de carteirinha das misses, principalmente as de Minas Gerais , as do Brasil e miss Universo..
E eram todas moças de familia.


Meu primo bem distante, que a gente chamava de tio era funcionário do IBC. Por isso as misses estão perto dele.

Eu não sou do tempo de Mickel, mas hove uma época , não recentemente, que alguns aluninhos meus o imitavam. Eu achava uma gracinha.

Com muito carinho Monica

Drunken Alina disse...

Fiquei chocada com a morte dele.
Espero que ele encontre coisas boas pela frente,do outro lado.

beijosss!!!

Arnaldo disse...

Quando eu era menino, curtia os Jackson Five e gostava, principalmente do Michael Jackson. Lembro-me que passava um desenho na TV. Quando eu e ele crescemos, deixei de me interessar, embora reconheça alguma qualidade em algumas músicas.

Babi Mello disse...

Quando minha mãe disse que ele havia falecido quando cheguei do trabalho em casa, sabe vi que infelizmente era algo que sabiamos que iria acontecer mas só não sabiamos a hora.
Agora o Michael sai da vida como uma lenda e entra para a história como um jito.
Bj! Val

laís D'Andréa disse...

Eu também espero que ele encontre, Valéria. E lamento tanto pelo que faltou, sério mesmo...

Ah, e estou adorando sua série de posts sobre os chilenos. delícia de ler! Grande beijo.

CHEIRO DE FLOR disse...

é verdade Valéria, agora só saudades mesmo! xeros e uma semana de muita paz pra ti!

Carolina disse...

Importante separarmos nesta hora o ícone da figura míserável de fragilidade em que era o coitado.
Grande artista se foi! Maravilhoso como tal, infeliz como reles mortal.
bjos meus