domingo, 10 de fevereiro de 2008

E inverno em Londres, mas o sol brilha e o ceu esta limpo! As pessoas dizem que eu trouxe o sol e o calor do Rio de Janeiro... Ha gente usando bermudas e camiseta nas ruas (poucos) e da pra ver esses poucos sao otimistas demais, que estao empolgados com o sol, porque na verdade faz frio!...
Minha amiga Julie mora em Greenwich, um bairro afastado do Centro, numa rua muito calma e silenciosa. Ela me doou seu quarto e esta dormindo na sala. O apartamento e uma graca, com a cozinha junto da sala de estar e varias fotografias, pinturas e desenhos nas paredes. Minha cama tem lencois rosa-shocking indianos e e tao silencioso que eu dormi quase 12 horas; Julie teve que me acordar as 11h de domingo, ou eu seguria dormindo...
Acordei meio assustada com a hora, me arrumei em um segundo e seguimos para Chinatown, porque e Ano Novo Chines!!! O ano do Rato!!! Segundo os chineses e um ano que promete muitas mudancas, mas tambem ha o risco de algumas tragedias. Entao, as pessoas rezam pedindo protecao e prosperidade. Eu tambem!...
Cai no meio da parada chinesa pelo Ano Novo, as pessoas fantasiadas (os chineses, nao os ingleses), mas em termos de animacao nao se compara com o Brasil. Fomos a um restaurante chines muito bom e relativamente barato, chamado New World. Comidas de Hong Kong, muito diferentes das que temos nos restaurantes chineses no Brasil. Pasteis de massa muito leve, feita de farinha de arroz, cozidos e nao fritos, com recheio de carne de porco e camarao. Deliciosos!!!
Comemos com outras tres amigas de Julie, inglesas. O sotaque delas e dificil para eu compreender, porque fui acostumada com o acento americano. Saimos para a rua e foi curioso, porque hoje e o dia da entraga do Bafta, o Oscar ingles. Havia tapete vermelho, luzes, arquibancada, e eu pensei que poderia ficar por ali o dia inteiro, so para ver mais tarde Daniel Day Lewis, Javier Barden e outros que estao concorrendo. Mas o dia nos chamava...
Hoje era um dia incomun em Londres, por causa do sol. Todos estavam nas ruas, muitas criancas, todo mundo alegre. Trafalgar Square cheio de gente assistindo um espetaculo montado pela comunidade chinesa. Mas seguimos andando ate a margem do Rio, passando pelo Big Ben, enorme e majestoso, cheio de detalhes dourados. Fomos ate o Royal Festival Hall ver a programacao e encontramos um amigo da Julie, Richard, very english. Fomos beber cha em um cafe muito chique, no banheiro havia sabao e creme para as maos da Aveda!...
Na saida do cafe fomos ver um sebo que acontece ao ar livre, nas margens do rio, todo fim de semana. Vi uma biografia do Joseph Conrad por 10 livras, caro, mas tive muita vontade de comprar... O cara nasceu na Polonia, foi Marinheiro durante anos, tentou se matar e so depois de tudo isso se tornou escritor, escrevendo em ingles que, in fact, era o terceiro idioma que aprendeu na vida... Na noite passada, caminhando com Julie em Greenwich, ao longo do Rio, lembrei dele, porque No coracao das trevas comeca com os marinheiros navegando ao longo do Tamisa a caminho do mar...
The OXO Gallery e uma especie de shopping com pequenas lojas, todas especializadas em design, bem em frente ao Rio. Estavam fechadas, mas olhamos cada uma das vitrines antes de seguir adiante para um cafe no pub bem em frente ao Globe Theatre, o antigo teatro onde as pecas de Shakespeare foram primeiramente encenadas (na verdade, e uma reconstrucao).
E agora, em casa, assistimos finalmente o resultado do BAFTA: a melhor atriz e Marianne Cotillard por Piaf (merecidissimo!), o melhor ator e Daniel Day Lewis por There will be blood, melhor filme e Atonement (Desejo e reparacao). Ufa! Hora de ir dormir...

2 comentários:

Azamor disse...

Querida
Estou vendo que você está curtindo Londres. Sorte no vôo, na casa da amiga, no dia londrino ensolarado, na festa de ano novo chines.
Que continue tudo assim surpreendente, positivo e alegre.
Fiquei curiosa em saber sobre a vida do escritor Josefh Conrad.
Mas o que mais gostei foi de saber que você efetuou um casamento em meio ao carnaval carioca de uma tal Letícia e um tal André. Achei o máximo!!!
Saudades
Vania

Clarissa e Gabriel disse...

Que tudo continue assim (:
Já estamos com saudades!
Beijos